24 de jul de 2013

Através da Fronteira



Há alguns anos (que sempre serão alguns anos mesmo que seja daqui a 100 anos) uma pobre família mexicana tentou entrar ilegalmente. A mãe estava grávida, mas ela já teve um filho, e teve que abandoná-lo (um tal de Chaves).

A mãe também tinha um outro filho (a ideia dela era ter 30 filhos mas se esqueceu que no México não tem Bolsa Família) mas de tão responsável que era acabou perdendo a criança.

Então ela chamou a poliça que começou a investigação. Um cara veio com a criança dormindo no colo, a mãe pegou e começou a cheirar o filho. O policial viu o que estava acontecendo e começou a cheirar a criança.

Noiados, ninguém notou a criança aberta com um monte de drogas dentro.

Um comentário :

Receba nossas atualizações por e-mail